sábado, 19 de março de 2011

Dia do Pai 2011

Mais um ano de ausência, mais 2 meses sem saber nada. As saudades apertam como gente grande.
O amor que nos une é cada vez maior e mais puro.
Quero que saibam que apesar da distância, teremos sempre um fio invisível que nos une. Como vocês dizem: "Daqui até aos planetas todos e voltar. Ou mais ou menos como os números que nunca acabam". É assim este nosso amor. Que é ameaçado todos os dias, mas que jamais enfraquecerá.
Amo-vos muito meus amores. Porque mais do que o Dia do Pai, sou pelos dias da família e esses são todos os dias. E um dia vocês vão aprender que é a base de tudo. Quando vos for possível compreender que o mundo que muitas vezes os adultos desenham, nada tem a ver com aquilo que deve ser.
Da tia que vos ama, mais do que tudo o resto. Sempre.

1 comentário:

  1. E eles de certeza que sentem esse teu grande amor :)
    Beijos grandes

    ResponderEliminar