domingo, 10 de dezembro de 2017

E assim vão os dias...

Por aqui continuamos, em contagem decrescente para o milagre da vida que vamos viver daqui a poucos dias, ou algumas semanas.
Terça-feira entramos na semana 37 e a ansiedade deste final de viagem começa a notar-se bastante. O curso de preparação para o Parto está a ser muito interessante e termina também ele agora. A minha menina continua muito mexida que só ela, a dar pontapés na mãe de uma forma muito intensa. As dores no baixo ventre têm-se intensificado e ando literalmente com o coração nas mãos. Espero ter a capacidade de manter a calma para que tudo corra da melhor forma possível. Apenas desejo que seja rápido e sem incidentes de maior. Acredito que a minha filha me irá ajudar, porque, também ela, está ansiosa para nos conhecer.
É um misto de emoções. Pensar que a vamos ter nos braços, querer fazer um bom trabalho enquanto pais e ao mesmo tempo enchê-la de Amor. Achamos que o Amor é realmente o sentimento mais especial e mágico do mundo! Com Amor, tudo corre pelo melhor.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Novembro, dia 15, 2017

Pois é, ontem completámos 33 semanas de gestação. Acabou pelo dia de ontem coincidir com a visita à Maternidade e fiquei bastante bem impressionada. O Bloco de Partos tem muito bom aspecto, tudo muito limpo e branquinho. 
Durante a visita a minha filha fartou-se de me pontapear, acho que me estava a transmitir que também não estava muito a fim de ir para ali. Se sair à mãe, não é grande fã de médicos e hospitais... Aquele cheiro a éter característico altera qualquer sistema nervoso.
Tento não pensar no parto, mas ontem, inevitavelmente acabei a imaginar-me ali deitada naquela cama desejando não ter muitas dores e que a minha filha venha ao mundo com a maior brevidade possível [quando entrar em trabalho de parto e quando chegar a hora certa, agora ainda é muito cedo]. Só peço a Deus que nos acompanhe e nos dê uma hora pequena, muita serenidade, saúde e que tudo corra pelo melhor. É só isso que peço, nada mais. E acredito que juntas, conseguiremos ultrapassar este primeiro momento da melhor forma possível. Podes contar com a mãe e o pai para tudo, especialmente para te ajudar a nascer rodeada do maior amor do mundo! Como te amamos, meu Amor!

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Novembro, dia 9, 2017

Nos últimos anos as Agendas que utilizei foram da Rosa com Canela, a que tenho a uso até final do ano, inclusive. Foram-me oferecidas, mas escolhidas por mim. Adoro material de escritório, mas não é qualquer material. Sou bastante selectiva especialmente na gramagem do papel e na sua qualidade.
Este ano optei por comprar uma Agenda da Mr. Wonderful, já para o ano. É muito gira, tem imensa cor, tem post-its, tem separadores, tem autocolantes, muito gira mesmo. Tenho a certeza de que fiz uma excelente escolha. As da Rosa com Canela são igualmente lindas e de uma qualidade extraordinária, no entanto, o interior é mais do mesmo...
Aqui fica uma fotografia da minha nova Agenda. O Ano 2018 será muito muito especial e por isso merecia algo realmente bonito a condizer...


Fotografia em: www.mrwonderful.pt

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Novembro, dia 7, 2017

O dia começou com as análises do 3º Trimestre.
Não foi muito difícil e despachei-me muito rápido. Maravilha, porque sair de casa sem o pequeno-almoço tomado é o que mais me custa, a mim e à minha filha. Nesse aspecto garantidamente sai à mãe. Não prescinde de um pequeno-almoço bastante reforçado ao acordar. Já o pai, come qualquer coisa só para não dizer que sai de casa sem comer nada.
Passei na pastelaria, trouxe um pastel de nata para completar as maravilhosas torradas de pão alentejano, aparadas... Soube-nos mesmo muito bem. Tão bem que ela já me está aqui a pontapear, cheira-me que já está com fome novamente. Esta menina é mesmo danada. Hoje acordei com ela a brincar com as minhas costelas... Tive a ideia que passava o pezinho e achava piada a sentir uma superfície mais dura...
Senti-la em mim é inexplicável. O Amor que sentimos por ela, o namorar as imagens das ecografias... É realmente a maior dádiva do mundo. Gerar vida e amar. Tenho para mim, já há muito tempo, que o Amor é realmente o sentimento mais importante do mundo e aplicado em tudo, dá resultados magníficos.

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Novembro, dia 6, 2017

Finalmente o processo do Abono Pré-Natal está concluído com sucesso. Quatro meses depois lá consegui que me processassem o meu direito. Depois de e-mails trocados [sem resposta], de documentos apresentados em triplicado e depois de uma reclamação feita, a coisa resolveu-se. 
É preciso é não perder a paciência e ganhar tolerância em doses muito elevadas.

A semana passada assisti a uma palestra com oradores de Luxo.
Ia apenas com expectativa em relação à Sofia Fernandes do Blog às nove no meu Blog, mas todos os outros acabaram por ser uma agradável surpresa. Que maravilha, que inspiração e que delícia ouvi-los falar. Senti-me mesmo maravilhada. Há pessoas que realmente têm o dom de nos transmitir boa energia, bons conceitos, boas práticas. Amei.

O mês de Novembro continua a correr, parece que o frio chegou [e uma pessoa estranha, passar de andar ao fresco para camisolas de malha e casaco impermeável...], mas já era o tempo de se instalar. No entanto, adoro este Sol de Inverno, ou neste caso, ainda Outono, mas estes dias bonitos, ainda que o frio esteja presente, são lindos de morrer.
Amanhã completamos 32 semanas e temos mais uma aula de preparação para o Parto. Para a semana temos consulta e ecografia e eu já tenho mesmo muitas saudades de ver esta menina que anda muitas vezes num reboliço que só nós as duas é que sabemos.

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Novembro, dia 2, 2017

Pouco passa das 18h, lá fora é noite. Choveu um pouco, muito menos do que o esperado e desejado.
No forno o jantar, peixe assado com todo o amor que lhe coloquei ao fazê-lo. Espero o maridão que não tarda entra pela porta. Tudo simples, é esta simplicidade que me move. Não preciso de muito mais para me sentir plena de alegria e felicidade.
Estou a pouco tempo de realizar um dos meus sonhos e valeu a pena esperar quase 38 anos por ele. Ainda não tenho as malas feitas para a maternidade, mas falta pouco. Só quero que a nossa menina continue bem cá dentro e nasça no tempo certo.
Tenho tido algumas dores e contracções e por esse motivo tenho de descansar mais. Não sou de estar parada mas confesso que já me sinto com algumas limitações. A barriga já me pesa bastante e andar a pé já não é tarefa fácil. Eu que sempre adorei (e adoro) andar a pé, custa-me, ao fim de meia dúzia de passos, sentir dores na barriga...
Estou a frequentar o curso de preparação e considero-o muito importante. 
Aprender a respirar é algo tão importante e sozinha jamais imaginava como o fazer... A experiência de quem sabe e ajuda a vir bebés ao mundo todos os dias, fascina-me.
Querido Novembro, obrigada por mais este dia.

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Novembro, dia 1, 2017

Começa hoje e sinto sempre o mesmo. É o meu mês, o meu preferido. Traz sorrisos e muita fé.
Este é sem dúvida mais especial que os outros, tenho a minha menina comigo na barriga e é sem dúvida uma sensação tão mas tão especial.
Novembro é sempre especial, mágico e muito emocionante. Este será ainda mais. 
Fazemos hoje 31 semanas e um dia e aqui estaremos ao longo do mês para escrever tudo o que sentimos.
Novembro, querido Novembro. 

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

29 Semanas e um dia

Ontem entrámos na semana 29. 
Começámos também a frequentar o Curso de Preparação para o Parto. Acho muito importante participar neste tipo de iniciativa para nos ajudar a preparar para o que aí vem. Para que possamos ter algumas luzes, quer nos sinais que irão continuar a acontecer no corpo, quer ter uma ideia de como lidar com o bebé, com o banho, entre outras coisas que parecem tão simples mas são tão importantes.
A aula ontem já incluiu alguns exercícios respiratórios que quero continuar a praticar em casa, porque considero que serão realmente importantes no momento do parto, esse momento tão especial e que ao mesmo tempo parece tão "medonho e assustador". Como em outras coisas, prefiro focar-me nos bons exemplos, aprender com quem se preparou bem e foi calmo e confiante. Acho que isso é realmente uma parte muito grande do segredo para as coisas correrem bem e serem mais fáceis.
Espero que a minha filha nos ajude a que este momento seja rápido e a alegria que temos em recebê-la irá compensar tudo tudo o que temos de viver para a fazer vir ao mundo.

O Abono Pré-Natal continua pendente, sem data prevista para a sua resolução. 
O enxoval está bem encaminhado, uma coisa ou outra que ainda nos falta, mas o grosso das compras está feito. Tive quem me desse muita coisa e isso foi realmente uma ajuda tremenda, as coisas de bebé são realmente caras (claro que apostando em alguma qualidade) e não é fácil fazer um enxoval tendo de comprar tudo. 
No outro dia fomos à Chicco trocar umas roupinhas oferecidas e perdi-me. Tem coisas tão mas tão lindas que apetece trazer tudo. Há que respirar fundo e fazer imperar o bom senso nesta matéria. Mas não é fácil, não é realmente fácil, especialmente quando esperamos uma menina...

terça-feira, 3 de outubro de 2017

27 Semanas

Hoje entro oficialmente no 7º mês de gravidez.
Tal como disse ontem, o tempo tem passado a voar. Desde Agosto que entrei de baixa pelo facto de ter uma gravidez de risco, e foi realmente a melhor opção. Psicologicamente não seria fácil estar em funções e lidar ao mesmo tempo com todas as alterações que uma gravidez implica.
Recebi há pouco o resultado das análises do segundo trimestre e, felizmente, quer ao nível da Toxoplasmose e dos Diabetes está tudo bem. Tenho um pouco de anemia, mas nada significativo. Fiquei descansada. Estava um pouco apreensiva, porque nunca se sabe a forma como o corpo reage a todo este carrossel de emoções.
Tal como tenho vindo a dizer, tudo tem corrido bem neste processo. Excepto uma coisa. A relação que é preciso ter com a Segurança Social é uma complicação.
Em Julho solicitei o Abono Pré-Natal, já lá vão quase 3 meses e até ao momento o processo está pendente. Já liguei inúmeras vezes, já enviei outros tantos emails e até ao momento não há sequer vislumbre de que a coisa esteja encaminhada para a resolução.
Primeiro o que me diziam é que faltava um documento que entreguei em Julho (Composição do Agregado Familiar). Em Agosto e para que confirmassem, tomei a liberdade de enviar a minha Declaração de IRS e pelos vistos de nada serviu. No inicio de Setembro, reenviei novamente toda a documentação. Fiz tudo pela Segurança Social Directa para que não se entupa os serviços e no fim de nada serviu, porque vou ter de me dirigir aos serviços pessoalmente em busca de alguma informação. Este organismo está pelas ruas da amargura. É inacreditável... Felizmente que não preciso desse dinheiro para comer, mas obviamente que tenho comprado inúmeras coisas e dava jeito, até porque o seu objectivo é mesmo auxiliar as mães no período de gravidez, para fazer face a despesas que incorram neste período. É triste, com tanta gente capaz e profissional, não capacitam os serviços de malta que goste de trabalhar e tenha brio em desempenhar as suas funções.
Resta esperar e ver o que se irá desenrolar nos próximos dias. Quando obtiver resposta, deixo aqui o testemunho.

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

26 Semanas + 6 dias



Por aqui estamos e continuamos em alto crescimento. Estamos bem e isso é o mais importante. 
Já fiz as análises do 2º Trimestre e amanhã entro no 7º mês de gravidez. Quando li sobre isto na semana 27, caiu-me a ficha. Meu Deus. Tem passado a voar, este tempo. Confesso que adoro estar grávida. Esta sensação de carregar a minha menina é única e muito feliz.
Estou curiosa com o meu peso, na última consulta só tinha engordado 3.5kgs. Agora acredito que já tenha aumentado muito mais. Vamos ver quanto. Noto que tenho muito mais apetite, no entanto, qualquer coisa que coma faz-me sentir cheia. Acredito que isso se deva ao facto de ter o estômago muito comprimido. Levo muita "tareia" da minha filha. Ainda agora enquanto escrevo ela não pára sossegada, como que a implorar festas na barriga. Também estamos na hora de almoço e ela já deve estar com fome. Já vamos tratar disso.
Quanto às análises, foi chato. Custou-me um pouco, especialmente o facto de estar duas horas a aguardar que o açúcar fizesse efeito no organismo. E o estar em jejum. Eu sou daquelas pessoas que não sai de casa sem comer. De manhã tenho sempre muita fome. Adoro o Pequeno-Almoço, é a minha refeição preferida e é por isso que acho que me custa tanto. Mas só quero que esteja tudo bem com os valores, é só isso que me importa. Já tenho saudades de ver a minha filha na Ecografia.
Para a semana voltamos ao médico e reitero o que disse. Só espero que continue tudo bem como até aqui.
O factor que está a correr menos bem é a ligação com a Segurança Social. Mas isso fica para o próximo artigo, onde escreverei sobre a difícil relação que se mantém com estes organismos. Completamente o oposto daquilo que se espera de um regime simplex.